Mais abrigos em pontos de ônibus de SJN seriam bem-vindos

Por Nilson Magno Baptista

Foto de capa: abrigo de passageiros próximo à Quadra Poliesportiva do Bairro Centenário (ASCOM)

Algumas pessoas defendem a tese de que nossa cidade necessita de uma rodoviária. Nós, no entanto, somos da opinião de que os abrigos de usuários de ônibus urbanos do município seriam muito mais úteis para a população.

Abrigo de passageiros próximo ao Posto Médico do Bairro São Cristóvão (Foto: ASCOM)

Quanto aos passageiros de ônibus intermunicipais e interestaduais temos um local mais que apropriado para recebê-los : a antiga estação ferroviária, cuja restauração completa foi entregue pela administração pública recentemente. É um local confortável, dotado de sanitários, inclusive adaptados para pessoas com deficiência, com uma lanchonete (que funcionará brevemente) e com a possibilidade de apreciar o interessante acervo do Museu Municipal, sem falar em apresentações de vídeos sobre artes em geral e apresentações de músicos dos mais variados estilos, além de poder usufruir das obras literárias disponíveis na Biblioteca “Professora Maria da Glória de Lima Torres”. No local também funciona a Fundação José Luiz Carvalho Nunes, responsável pela administração dos importantes setores de Turismo, Cultura, Esportes e Juventude da cidade.

Imagens extraídas de vídeo produzido pela Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de São João Nepomuceno (ASCOM)
Imagem extraída de vídeo produzido pela Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura Municipal de São João Nepomuceno (ASCOM)

O passageiro, ao desembarcar, será recebido de uma maneira completamente diferente de todos os lugares por onde tenha passado, num ambiente agradável, tranquilo, com um atendimento especial feito por pessoas bem preparadas para o exercício dessa nobre missão. Quanto aos guichês onde serão adquiridas as passagens, estes em breve estarão  funcionando em um local específico para esse fim, também dotados de sanitários públicos acessíveis , a poucos passos das plataformas de embarque e desembarque, que continuam em uso, sendo inclusive mantida a denominação de Terminal Rodoviário “Prefeito Marcelino Barbosa”

Um detalhe: os recursos financeiros empregados na construção de abrigos de passageiros de ônibus urbanos ficariam mais em conta do que se fossem aplicados em uma Estação Rodoviária e representariam um maior benefício para a população local, que os utilizaria diariamente e não por alguns momentos ou horas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.